Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The book of stories

The book of stories

20.05.19

Homens com h microscópico

Elisabete Pereira
  Numa destas noites de trabalho, que parecia igual a tantas outras, um grito de raiva surge de repente vindo de um sector longe do meu, reconheci a voz da minha colega que gritava coisas que eu não conseguia entender, mas parecia ser algo grave. Minutos depois, soube que fora um outro colega que lhe "passou a mão", vi o tipo no sector dele a dar um sorrisinho nojento, de quem mais uma vez se divertiu em tirar alguém das estribeiras, infelizmente já não é a primeira vez que ele faz (...)
12.04.19

"Coitadinho (a), é deficiente..." ou como por vezes podemos descriminar sem querer

Elisabete Pereira
  Não sei se alguém já deparou com pessoas que quando vêem alguém com algum tipo de deficiência, dizem logo algo do género "coitadinho, é deficiente" e isso acaba por ser algo irritante, mesmo que não seja intencional, acaba por ser preconceituoso para com a pessoa, como se elas limitassem a vida á sua deficiência, quantas vezes são mais pro activas e corajosas do que os considerados "normais", até porque a vida muitas vezes os obriga a isso. Eu própria, também cometo (...)
26.03.19

Pessoas que sofrem com "o síndrome do tetris".

Elisabete Pereira
Pois que existe uma síndrome por aí que é pouco falada, a "síndrome do tetris", e não estou a falar de quem é viciado no célebre jogo electrónico nem do seu sucedâneo portátil (o brick-game),  mas sim das pessoas que sentem uma extrema necessidade de se "colar" nos outros. Imaginem o seguinte cenário, vocês saem à noite do trabalho, vão para o estacionamento onde se encontra o vosso veículo e reparam que não conseguem entrar nele, pois alguém estacionou o carro demasiado (...)
08.03.19

Flores e cursos de maquilhagem no dia de hoje? Que original!

Elisabete Pereira
Hoje é o dia da mulher...dizem, eu pensava que era todos os dias, mas pelos vistos enganei-me, e há um dia específico afinal. Mas pronto, vai ser um dia giro, lojas a oferecerem flores, cursos de maquilhagem, vouchers para spas, e outros "miminhos" do género a todas as mulheres que apanharem pela frente... É engraçado como nestes dias temos a noção de como determinado grupo é visto socialmente, porque este tipo de iniciativas tem por norma, um "estudo" por trás (embora ás vezes (...)
07.03.19

Quem quer comprar a virgindade e casar com a filha de um milionário?

Elisabete Pereira
  Não estou a escrever sobre mais algum programa de tv que explora os relacionamentos amorosos (e as audiências), mas sim, de uma noticia que li algures na internet, dando conta de um milionário asiático que quer casar a sua filha de 26 anos, porque acha frustrante ela ainda se encontrar solteira e virgem. Mas atenção que isto também não é assim como quem dá áquela palha, há uma certa "preocupação" com o futuro genro, porque como é lógico, não serve qualquer um para a (...)
23.02.19

Duas mulheres solteiras a lutar por causa do buquê da noiva, pronto, era só isto

Elisabete Pereira
Quem não se lembra de ver em filmes de comédia, principalmente onde existem cerimónias de casamento, a típica luta das mulheres solteiras para apanhar o buquê da noiva? Se é engraçado? Claro que sim, ainda mais se pensarmos que aquilo serve apenas para demonstrar um exagero, ou seja, aquilo nunca iria acontecer na vida real, afinal somos mais civilizados do que isso. O pior é quando este tipo de situação passa para a vida real, e acabas por ver um vídeo na internet onde essa (...)
23.01.19

Talvez eu não seja boa pessoa...

Elisabete Pereira
  ...mas eu não sou grande fã daqueles actos solidários, que por vezes surgem por aí, em certas alturas do ano, e quando vêm até mim crianças sorridentes com sacos de papel na mão, aceito o saco, mas não o uso (a estratégia de usarem crianças é muito inteligente, porque raras são as pessoas que dizem não). Mas, só por aí já da para ver que estas campanhas não têm nada de inocente, e honestamente, eu não acredito que as coisas vão parar a quem realmente precisa; e (...)
21.12.18

Parece que hoje começa o Inverno, ou algo do género...

Elisabete Pereira
  Não é tão bom saber que hoje começa o Inverno? Até estou aos pulos de contentamento (não), bem, eu não gosto do Inverno, pronto, é como aquelas familis que têm uma ovelha negra, e eu olho para o Inverno como a ovelha negra das estações, não gostamos, mas temos de levar com o Inverno porque faz parte do ciclo da vida.Para mim, o Inverno concentra em si o pior, a constar : -Frio; -Chuva; -Dias mais curtos; -Gripes (eu sei que há gripes o ano inteiro, mas o pico maior é no (...)
29.11.18

Casados à Primeira Vista, mais do mesmo? Sim, por favor.

Elisabete Pereira
  Estive um pouco na dúvida, se deveria ou não escrever sobre o assunto, até porque está na ordem do dia, mas vi tanta gente a escrever sobre isso...bem do programa...mal do programa...mais ou menos do programa... Já alguém dizia que não existe má publicidade (eu discordo um pouco, mas isso são outros quinhentos), e por isso porque não meter também eu, a minha colher nessa geleia semi-doce que é o Casados à Primeira Vista ? Hum, para mim é assim-assim, come-se, mas não é (...)
12.11.18

O flagelo das árvores de Natal em Novembro

Elisabete Pereira
Não sei o que passa pela cabeça de algumas pessoas de montarem a árvore de Natal ainda no inicio do mês de Novembro, das duas uma, ou se enganaram no mês, ou então estão tão ocupadas até á véspera de Natal e por isso adiantaram trabalho. Eu sei que o Natal é quando o Homem quiser, mas...não é preciso exagerar, a árvore ali, a ganhar pó...ácaros e todas essas coisas até ser hora de ser desmontada (caso seja) lá para o mês de Março ou Abril, sim porque isto é malta que (...)