Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



20181205_180443.jpg

Cá por casa não é natal sem ter em conta, por exemplo, que o pinheiro seja natural (antes que a greenpeace me atire pedras, os pinheiros são semeados no jardim de casa, no fim servem para lenha para aquecer e cozinhar, e mais tarde as cinzas são usadas para semear batatas), os meus pais não acham particular graça aos pinheiros de plástico. Quando cheguei de folga a casa e vi o pinheiro já instalado na sala (ainda vazio de enfeites), pensei para comigo, "isto vai ser um instante para fazer, afinal é só colocar algumas coisas", mas enganei-me, primeiro de tudo, três pessoas de volta de um pinheiro a mandar bitaites sobre como se deve colocar as luzes nunca dá bom resultado, por isso, aceitamos por unanimidade que a minha mãe mandaria na ordem de decoração da árvore, eu e o meu pai, como somos mais altos, cada um ficou em dois lados paralelos em cima de cadeiras e lá fomos pondo as luzes, depois vieram os enfeites, e aí respirei um pouco porque pensei que o pior tinha passado, mas voltei a enganar-me, a minha mãe havia comprado uns enfeites novos (na loja dos chineses) e para sua tristeza, algumas das figuras não estavam no seu melhor, bora então de pegar na cola, e sujar os dedos enquanto tentava "operar" alguns enfeites, depois de ter ficado com os dedos numa lástima, e os enfeites em questão parecerem uma versão zombie do aspecto original, lá continuamos...faltavam as fitas, para meu grande erro, comecei a colocar algumas, mas a minha mãe não gostou da maneira como as coloquei e toca de tirar, " enfia esta naquela parte mais alta", lá ia eu para cima da cadeira tentar enfiar a fita para chegar na parte mais alta, pelo meio lá se iam espetando algumas agulha de pinheiro na minha cara (felizmente uso óculos). Finalmente ao fim de quase duas horas o pinheiro ficou pronto, pego na vassoura e na pá, e fico a varrer o espaço em volta, eh pah, a quantidade de glitter que estas bugigangas largam, fiquei um bom tempo a varrer, e quanto mais varria mais glitter aparecia, até no corpo apareceu glitter. Por fim respirei fundo, ainda faltava o presépio, mas isso era tarefa para o dia seguinte, e a minha mãe queria fazê-lo sozinha, missão cumprida...mais ou menos, conhecendo os meus pais, não duvidava nada de que até ao Natal os enfeites possam ser modificados algumas vezes.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:33



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D