Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The book of stories

The book of stories

Seg | 22.01.18

O inicio de uma nova história

Elisabete Pereira

artflow_201802241813.png

 

Este é o primeiro post que escrevo, e por isso os nervos são enormes, até porque acredito que a primeira impressão pode de facto marcar a opinião que temos sobre tudo na vida.

Tinha eu os meus frescos 16 anos, quando houve o boom dos blogues, nasceram muitos nessa altura mas hoje em dia poucos sobreviveram ao teste desse ser implacável que é o tempo.

Nessa altura também fui picada pelo bichinho dos blogs, e foi aí que escolhi o título do blog (ou blogue, nunca sei bem qual dos dois termos o mais correcto) " The book of stories", o objectivo era escrever sobre o meu dia-a-dia escolar, coisa que achamos enquanto adolescentes que é das coisas mais importantes da vida, os dramas e as alegrias são ampliados vezes mil nessa fase da vida; no entanto na altura deparei-me com uma grande dificuldade, não tinha internet em casa, o ano era de 2005, e o acesso á internet a partir de uma pequena aldeia do norte do país não era propriamente a coisa mais fácil do mundo, e por isso a ideia do blogue ficou na gaveta. Anos passaram-se, e um dia pensei: "E se eu escrevesse um blog?" Assim o fiz e....tchanaaaam!!!

Cá está o dito, agora é só esperar que os leitores venham em catadupa, ávidos pelos meus textos e ficar muuuuuuito rica, ah, ah ah! (riso maquiavélico) O mundo será meu !!! (estou a brincar, não sou assim tão ambiciosa, só um bocadinho). Pelo menos se meia dúzia de alminhas lerem o meu blogue já fico muito feliz.

Portanto vamos ao que interessa, ou seja, o que irá ser abordado aqui, eu adoooooro livros, desde bem pequena que vivia agarrada a eles (aos livros,entenda-se),nessa altura podia não saber ler mas inventava histórias, e esse gosto foi crescendo comigo, para mim aprender a ler foi das melhores coisas que me aconteceu, com o tempo, comecei eu própria a contar histórias, mas não tinha publico, agora é a minha oportunidade de as poder compartilhar...e aqui e ali também vou escrever sobre as minhas pequenas grandes pancas. (Que fazem parte do meu charme natural) P.S.: Já alterei este texto várias vezes e ainda assim acho que ele não está grande coisa.